Conteúdo 1
Menu 2
Busca 3
Rodapé 4
A
A
Resp. Técnico: Dr. Sergio Lenharo - CRM 29628/SP
ANS 42016-6
Notícia

03/Fev

2019

Mitos e verdades sobre o sarampo

Ação Social Santa Casa Saúde - Informe nº04/2019

1) A contaminação pelo vírus pode ser evitada com a vacinação.
Verdade.  O sarampo pode ser evitado com a vacinação.

2) A vacina previne o indivíduo e outras pessoas.
Verdade. Quanto mais indivíduos estiverem vacinados maior é a barreira que se forma para evitar a circulação do vírus que se transmite de uma pessoa infectada pela tosse, espirro ou fala.  O benefício da vacina é coletivo.

3) A vacina está disponível o ano todo nas Unidades Básicas de Saúde.
Verdade. O Ministério da Saúde distribui gratuitamente em todo território nacional e pode ser adquirida nas Unidades Básicas de Saúde do seu município.

4) A vacina pode provocar outras doenças.
Mito. Um ex-médico britânico, Andrew Wakefield, propôs uma associação entre crianças que tomaram a tríplice viral (sarampo, caxumba e rubéola) e quadros de transtorno do espectro autista.  Tendo sido descoberto posteriormente que foram forjados os dados da pesquisa para uma alternativa à vacina patenteada por ele.  Além de uma retratação pública, o Conselho de Medicina britânico cassou o registro de médico do envolvido. 

5) O sarampo é grave e pode matar.
Verdade. Principalmente crianças desnutridas e menores de um ano.

6) O Brasil está livre do sarampo.
Mito. O país já esteve livre do sarampo, mas infelizmente apesar da importância da vacinação ela não atingiu a meta esperada pelo Ministério da Saúde nos anos de 2017 e 2018 dando abertura para a entrada do vírus novamente no Brasil.   

A prevenção ainda é o melhor remédio, uma vez imunizado você está protegido para a vida toda.

Fonte:
http://portalms.saude.gov.br/saúde-de-a-z/sarampo